Direitos Autorais

Informe-se sobre as licenças de uso

 

Página que dá orientações sobre como referir os créditos das publicações do blog aos interessados em dispor dos seus direitos autorais.

 

Fonte de referência das postagens

 

A maioria dos posts deste blog foi escrita com base em mais de uma fonte de referência de informação. O que inviabiliza a indicação do devido link no formulário de licença CC – Creative Commons, constante ao pé de cada postagem.

 

A fonte de referência dignifica o trabalho – “imitar é para os tolos”

 

Segundo J. Barros, criador do Discernir, “Ver e ouvir são sentidos dados ao Homem não para imitar, mas para discernir e poder decidir fazer diferente: imitar é para os tolos. Por isso, é preciso exercitar o raciocínio para se desenvolverem reflexos de discernimento, pois a vida é feita de escolhas“. Sendo essa, portanto, a principal mensagem que ensejou a criação deste blog.

Com o propósito de divulgar os devidos créditos dos nossos trabalhos, criamos esta página para a qual o interessado em checar a fonte de referência de alguma das nossas publicações, ou em dispor dos nossos direitos autorais, é redirecionado para obter as necessárias informações e orientações, através do seguinte circuito:

Ao clicar no link, indicado no formulário CC – Creative Commons, localizado ao pé da postagem, como sendo o da fonte na qual foi baseado o trabalho publicado, conforme ilustrado abaixo, o interessado será redirecionado para um link com a respectiva base de dados. 

 

Local onde a licença refere crédito do autor.

 

Uma vez redirecionado para a “Fonte de referência do trabalho“, o interessado terá acesso aos links correspondentes à base de dados daquela publicação. De lá, caso tenha alguma dúvida, poderá ser redirecionado para esta página. Sendo essa, portanto, a forma que encontramos para dar o devido crédito a quem de direito; indicar alterações que tenham sido feitas; e comprovar a idoneidade e originalidade dos nossos trabalhos.

Caso o trabalho do seu interesse não esteja licenciado, ou se precisar de autorizações adicionais para uso de direito autoral, contate seu autor através do respectivo e-mail.

 

Instruções para indicação do crédito do autor

 

Sob pena de revogação e das consequências previstas nas leis 9.610/98 e 12.853/13, que cuidam dos direitos autorais, você deve respeitar exatamente os termos da licença concedida, constante ao pé do trabalho/post que pretende utilizar. Uma das condições é a expressa referência ao crédito do autor, porquanto a fonte de referência dignifica o seu trabalho.

 

Escolha o modo mais adequado ao seu trabalho para indicar o crédito do autor

 

Devido ao respeito pelos direitos do autor, ao utilizar o material licenciado, convém adotar o molde técnico da ABNT. Contudo, caso prefira um modo mais simplificado, basta seguir, por exemplo, um dos moldes das próprias referências constantes no trabalho/post licenciado que você pretende utilizar, ou uma das seguintes sugestões:

 

– Usando o nome do blog como título do link

Aproveitando o nome do blog como título do link, refira em sequência o nome do autor e o título do trabalho licenciado, atribuindo-lhe o link do próprio post. Exemplo1 (passe o cursor do mouse por sobre o título do link para ver a descrição2 e clique nele para testar):

Em Discernir, por Estudos & Trabalhos, “Componente Horizontal e Componente Vertical da Bússola”,…

Após o nome/título do post, siga com o comentário que anunciará a parte do trabalho licenciado que você pretende destacar3; ou com a sua simples referência4Tudo conforme os permissivos da licença CC – Creative Commons concedida.

 

– Usando o nome do autor como título do link

Alternativamente, usando o nome do autor como título do link do trabalho/post e, em seguida, a citação do trecho ou a referência que pretender fazer. Exemplo5 (passe o cursor do mouse por sobre o título do link para ver a descrição e clique nele para testar): 

Segundo Estudos & Trabalhos, “a bússola magnética vai perdendo sua precisão à medida que se aproxima dos polos magnéticos da Terra“…

Note que, nesse segundo modelo, ao passar o cursor do mouse por sobre o título do link, aparece a referência do título do post, após o nome do blog onde ele foi publicado.

Dependendo do propósito do seu trabalho e do molde de referência que preferir adotar, pode ser interessante referir também a data da publicação original e a do seu acesso à postagem.

Além disso, na base de dados do trabalho/post para a qual você será redirecionado ao clicar no link, indicado no formulário CC – Creative Commons, localizado ao pé da postagem que você pretende utilizar, já consta a sugestão de referência formatada nesses moldes, pronta para ser copiada e colada em seu trabalho. 

 

O importante é dar ciência inequívoca do crédito do autor ao leitor do seu trabalho

 

Ao clicar no título do link que você disponibilizará, o importante é que o seu leitor possa ser redirecionado para a postagem original aqui neste blog.

Através dela, caso tenha interesse em checar a fonte de informação da publicação, ele poderá clicar no link referido como base do trabalho, constante nas informações da licença Creative Commons, verificada ao pé da postagem, e ser redirecionado para a respectiva base de dados. Exatamente como ocorreu com você. 

Mais importante que a estética da arquitetura que você preferir utilizar, é a viabilidade do caminho para se alcançar o objetivo pretendido, qual seja o de dar conhecimento inequívoco ao leitor de que aquela parte do texto é de determinado autor, faz parte de certa obra que pode ser encontrada em certo lugar cujo acesso lhe é permitido e facilitado.

Assim sendo, se o seu trabalho for impresso, o link deverá constar explicitamente nas referências bibliográficas, além dos demais dados necessários à identificação da obra e do autor, de acordo com as normas técnicas da ABNT.

 

Lembre-se, “imitar é para os tolos” – recuse imitações

 

Siga, portanto, exatamente essas instruções, de modo a permitir o direito dos seus leitores ao acesso às devidas informações, além de dar, com isso, o merecido reconhecimento ao trabalho do autor.

 

Atenção

 

Essas instruções restringem-se ao molde de indicação dos créditos e não substituem a licença CC – Creative Commons, constante ao pé da respectiva postagem.

1 Na base de dados do trabalho/post que você pretende utilizar, já consta a sugestão de referência formatada neste molde, pronta para ser copiada e colada em seu trabalho. 

2 Para fazer com que apareça a descrição sobre o link, basta acrescentar o atributo title=”a mensagem que você quer que apareça, entre aspas”, antes do código do link, conforme pode ser visto – no modo “Texto” do editor do WordPress – na seguinte estrutura do link do próprio exemplo referido: 

<title=”Ver publicação original. Abrir link nesta aba.” href=”https://discernir.com.br/componente-horizontal-vertical-bussola/”>Discernir</a></span>, por Estudos &amp; Trabalhos, “Componente Horizontal e Componente Vertical da Bússola”,…

Evite a duplicidade de conteúdo que causará má impressão a quem ler o seu trabalho. Lembre-se de que, mais tarde, o mesmo leitor poderá ler o trabalho original e pensar que se trata de cópia. Isso seria injusto com quem se dedicou a realizar aquele trabalho, consentiu gratuitamente a sua utilização e, no final, passa por plagiador. Reproduza, portanto, no máximo duas ou três linhas, apenas o essencial para respaldar ou abrilhantar a sua própria ideia – que deve ser original. Coloque a cópia fiel do trecho entre aspas – ou em destaque, recuado no texto – conforme estabelece o molde da ABNT para um caso ou outro. 

Procure ser original fazendo referência ao trabalho com o propósito de acrescentar conteúdo que possa ser interessante ao que você está desenvolvendo; que possa contribuir para complementá-lo, enriquecê-lo ou abrilhantá-lo. Contudo, preserve a originalidade, tanto a do que você escreve quanto a do trabalho alheio que você está aproveitando.  

5 Idem nota 2, acima.

logomarca-discernir-tridimensional